Ando à procura

Informações

Nome do Cântico: Ando à procura

Autor(a): Espiritual Negro

Inserido em: 22 de Abril de 2015


Ré                      Lá
Ando à procura de Ti, Senhor,

Pelos caminhos vazios da vida.
Sol
À noite escura, dos sem amor,
Ré Lá                Ré
Vem, ó Senhor, dar luz e vida.


Deus amou tanto o seu povo, e o mundo que criou,
Que lhe deu Seu próprio filho. Foi morto e ressuscitou,
Dando a vida pelos homens, por eles morreu na Cruz,
Mas ficou Seu grande amor, abriu caminhos de luz

Tem caminhos tão vazios, o desalento é profundo,
Não há paz entre os Teus filhos, há falta de amor no mundo.
Aceita, porém, Senhor, nossa fé e nossa esperança,
Caminhamos para Ti, com amor e confiança.


Ando à procura de Ti, Senhor,
Pelos caminhos vazios da vida.
À noite escura, dos sem amor,
Vem, ó Senhor, dar luz e vida.


Deus amou tanto o seu povo, e o mundo que criou,
Que lhe deu Seu próprio filho. Foi morto e ressuscitou,
Dando a vida pelos homens, por eles morreu na Cruz,
Mas ficou Seu grande amor, abriu caminhos de luz


Ando à procura de Ti, Senhor,
Pelos caminhos vazios da vida.
À noite escura, dos sem amor,
Vem, ó Senhor, dar luz e vida.


Tem caminhos tão vazios, o desalento é profundo,
Não há paz entre os Teus filhos, há falta de amor no mundo.
Aceita, porém, Senhor, nossa fé e nossa esperança,
Caminhamos para Ti, com amor e confiança.


Ando à procura de Ti, Senhor,
Pelos caminhos vazios da vida.
À noite escura, dos sem amor,
Vem, ó Senhor, dar luz e vida.

3 pessoas gostam deste cântico.